27/04/2010

Como a Sociedade de Socorro Abençoa Sua Vida?


Este discurso é de outubro/2004

BONNIE D. PARKIN
Ex-Presidente Geral da Sociedade de Socorro

Uma vez que a Sociedade de Socorro é uma designação divina, ela abençoa não só as mulheres, mas também a família, e a Igreja. Ao fazer uma retrospectiva de sua vida, certo homem relatou-me esta tocante história: “Quando eu era pequeno, meu pai era menos ativo na Igreja. Ele tinha problemas com a bebida, e nos momentos de humor mais sombrio, podia tornar-se irritadiço e rancoroso. Em geral, não se opunha a que mamãe servisse na ala. Ela trabalhou na Primária por 38 anos e, durante boa parte desse tempo também serviu nas Moças. Era um fardo pesado. O casamento passava por dificuldades e hoje eu sei que ela ficava desanimada, às vezes, coisa que eu desconhecia na época.” “Não soube até muito mais tarde, que as irmãs de nossa ala eram o seu esteio. Ela não fazia parte da liderança da Sociedade de Socorro, mas sempre comparecia às reuniões e amava as amigas que ali fizera. Nunca pensei nelas como senhoras da Sociedade de Socorro: eram simplesmente as amigas da mamãe. Cuidavam dela e amavam-na. Mamãe só tinha irmãos e filhos homens. Em nossa ala, encontrou as irmãs que sempre quis e de quem necessitava. Sei que compartilhava seus sentimentos com elas—sentimentos que não poderia expressar para mais ninguém. Nada daquilo parecia ser ‘Sociedade de Socorro’ para mim, na época, mas sei agora que na verdade era”.1 A lembrança desse filho sobre a Sociedade de Socorro tocou meu coração. Sim, a Sociedade de Socorro é composta de mulheres, mas a Sociedade de Socorro não abençoa somente as irmãs: ela abençoa cada um de nós. Como a Sociedade de Socorro abençoa sua vida? Fiz essa pergunta ao Presidente Gordon B. Hinckley. Ele respondeu: “A Sociedade de Socorro abençoou minha família e a família de minha querida esposa já há umas sete gerações. Desde os primeiros dias da Igreja, mães e filhas foram ensinadas a respeito de seu encargo de cuidar dos necessitados. Aprenderam as melhores habilidades do cuidado do lar, foram incentivadas a desenvolver-se espiritualmente e orientadas quanto à realização de sua plena potencialidade como mulheres. Muito desse aprendizado ocorreu na Sociedade de Socorro e foi levado para casa, abençoando a vida de cada membro de minha família.”2 Guardo doces recordações de brincar debaixo dos teares de minha avó, enquanto ela e outras irmãs da Sociedade de Socorro costuravam. Eu era pequena, mas sabia que isso fazia parte da Sociedade de Socorro: abençoar a vida de outras pessoas. Minha mãe e minha avó ensinaram-me a amar a Sociedade de Socorro. Eu amo a Sociedade de Socorro—acho que sempre amei. A Sociedade de Socorro ajudou-me a conhecer o Salvador e fortaleceu meu amor por Ele e por meu Pai Celestial. O fato de pertencer à Sociedade de Socorro fez com que eu tivesse muitas oportunidades de aprender, amar, servir e sentir-me repleta do amor do Senhor, ao esforçar-me por cumprir meus convênios, exercer caridade e fortalecer minha família. Eu volto a perguntar: De quantas maneiras a Sociedade de Socorro abençoa sua vida? Ao visitar o Centro de Treinamento Missionário no Brasil, perguntei aos missionários: “O que vocês sabem sobre a Sociedade de Socorro”? Um élder disse: “Torta salgada!” Outro acrescentou: “Minha mãe e minha irmã fazem parte dela”. Por fim, um deles declarou: “É a organização do Senhor para as mulheres”. Ele acertou, mas tem algo mais: A Sociedade de Socorro é “uma parte fundamental do evangelho”.3 O ano de 1842 foi extremamente difícil para o Profeta Joseph Smith. Antigos amigos voltaram-se contra ele. Outros inimigos queriam retirá-lo à força de Nauvoo e prejudicar o crescimento da Igreja. Nesse mesmo ano, ele organizou a Sociedade de Socorro, “não só para socorrer os pobres, mas também para salvar almas”4 . O Presidente J. Reuben Clark Jr. observou que “em meio a essas provações, Joseph Smith voltou-se para as irmãs em busca de consolo e para um melhor estado de ânimo, de que ele tanto precisava na ocasião”.5 Essa idéia é muito comovente e humilde: um profeta de Deus, buscando o consolo de suas irmãs, mulheres a quem ele dera como encargo: “a caridade nunca falha”.6 Para mim, isso é semelhante àquelas mulheres que prantearam com o Salvador no Gólgota. A Sociedade de Socorro abençoa a vida dos profetas. Como ela abençoa a sua? O Presidente Boyd K. Packer disse: “As defesas do lar e da família são muito mais reforçadas quando a esposa, a mãe e as filhas pertencem à Sociedade de Socorro”.7 Por que? Porque as mulheres são o coração do lar. Minha associação à Sociedade de Socorro me renovou, fortaleceu e fez com que me comprometesse a ser melhor esposa e mãe e melhor filha de Deus. Meu coração cresceu no entendimento do evangelho e no amor pelo Salvador e pelo que Ele fez por mim. Assim, a vocês, queridas irmãs, eu digo: Compareçam à Sociedade de Socorro! Ela encherá seu lar de amor e caridade, e nutrirá e fortalecerá tanto vocês como sua família. Seu lar precisa de seu coração justo. Durante uma recente designação ao Peru, visitei o lar humilde do irmão e da irmã Morales. O local estava repleto de amor. O casal tem três filhos e são membros da Igreja há quatro anos. A irmã Morales aprendeu muito, graças à Sociedade de Socorro. Para ajudar a prover o sustento da família e do filho missionário, ela lavava e passava roupas para fora. Cuidava ainda de dois filhos de uma vizinha que trabalhava fora. Ela dava apoio a seu marido doente, com problemas nos rins e que servia no quórum de élderes. Eles conversavam sobre as lições do livro de Heber J. Grant em preparação para que ele pudesse ensiná-las em seu quórum. Perguntei a ela: “Você é professora visitante”? Com um grande sorriso, ela respondeu: “Oh, sim, irmã Parkin. Visito quatro irmãs. Duas são menos ativas, mas vou trazê-las de volta com amor”. Ao sairmos da casa, notei um cartaz feito à mão, sobre a porta, que dizia: “Você leu as escrituras hoje?” A Sociedade de Socorro abençoa esse lar, essa ala, essa vizinhança. Como ela abençoa você? É crucial que as irmãs recém-batizadas pertençam à Sociedade de Socorro e, por conseguinte, sua família. No período em que servi com meu marido, quando ele foi chamado para a Missão Inglaterra Londres Sul, conheci muitas mulheres recém-conversas—como Glória, que é mãe e é solteira. Quando se filiou à Igreja, entrou para a Sociedade de Socorro. Era um lugar seguro, onde podia tirar dúvidas sobre sua fé recém-descoberta. Ali, ouvia as mulheres partilharem abertamente suas experiências, que a levaram a experimentar a palavra de Deus.8 Ela recebeu sua bênção patriarcal, já foi ao templo, e serve na Igreja. Penso no conselho que o Presidente Hinckley me deu: “[As mulheres] precisam reunir-se em um ambiente que fortaleça a fé”.9 A Sociedade de Socorro oferece esse ambiente. Lembrei-me dos jovens soldados de Helamã quando ouvi o filho de uma irmã da Sociedade de Socorro dizer: “Fui abençoado pela fé e o exemplo de minha mãe. Quando me tornei portador do Sacerdócio, aprendi sobre o ensino familiar tanto pelas visitas de professora visitante de minha mãe quanto pelo exemplo de meu pai como mestre familiar. (…) A fé de mamãe no Sacerdócio influencia a minha fé e fortalece meu desejo de ser um élder (…) digno”.10 Irmãos e irmãs, eu mudei e fui abençoada; sou uma pessoa melhor graças à Sociedade de Socorro. Acredito que todos nós somos. Oro para que mães e filhas participem com mais entusiasmo; que maridos apóiem a esposa e que tanto os pais quanto as mães preparem as filhas para a Sociedade de Socorro; Incentivo aos líderes do sacerdócio a guiarem as filhas de Deus—jovens e adultas—para a Sociedade de Socorro, um dos muitos milagres da Restauração. Ao fazermos isso, sentiremos a gratidão transbordar em nós, por essa organização sagrada. Uma vez que a Sociedade de Socorro é uma designação divina, ela abençoa não só as mulheres, mas também a família, e a Igreja. Testifico que ela é uma parte fundamental do evangelho restaurado do Senhor porque se baseia na caridade—Seu puro amor. Disso eu presto testemunho, em nome de Jesus Cristo. Amém.


Espero que vocês se sintam tão inspiradas e gratas como eu me senti ao ler este lindo discurso.

Beijos e uma Ótima Semana

Um comentário:

Affonso disse...
Este comentário foi removido pelo autor.